Volume
Redes
Sociais
O GALO QUE AMARELOU
25/02/2017 - 23h02 em Novidades

 

Pela 40ª vez, o Galo da Madrugada desfilou pelas ruas do centro do Recife neste sábado (25) de Zé Pereira  desta vez não arrastando os milhôes de foliôes, Como nos anos anteriores. Mas não faltou irreverência. Desde cedo, foliões se concentraram na praça Sérgio Loreto, área central do Recife, onde saíram os primeiros trios elétricos.

Em meio à multidão, os foliões não deixaram de repercutir polêmicas envolvendo o desfile deste ano como a alegoria do Galo Maestro erguido na Ponte Duarte Coelho e o clima de insegurança na cidade. Muitos foliões comentavam que havia bem menos gente nas ruas esse ano.

Na Ponte Duarte Coelho, onde ficou instalado o Galo Maestro, as pessoas se dividiam com relação à alegoria. e faziam questão de comentar  “As pessoas vêm do mundo todo para ver beleza do Galo e este ano, infelizmente, não está bonito. Antes, o galo era Imponente até girava e esse ano está parado, sem brilho com uma expressão de medo”.

Durante todo o desfile, poucos foram os registros de violência, Houve polêmica nas redes sociais em virtude da apreensão de fantasias da "Troça Carnavalesca Empatando Tua Vida". O grupo fazia protestos contra o governador e o prefeito e tiveram os adereços de carnaval levados por uma viatura da PM, cujos membros começaram a ser ouvidos pela Corregedoria da Secretaria de Defesa Social. A assessoria da PM soltou uma nota explicando que investigaria o caso, porque não houve orientação do Comando da Operação para tal procedimento, apesar de rumores da greve da Polícia Militar. Até a publicação deste texto, a Secretaria de Defesa Social (SDS) ainda não havia divulgado nenhum balanço.

FONTE:Nossos Colaboradores 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!